Como assim, vó, não dormiu em casa? –perguntei muitíssimo preocupada.

 Pois é, a avó dele ligou para a outra avó dele que ligou para minha irmã que me ligou.. Ninguém tem notícia dele.

Meu Deus, Rafael sumiu.

Sentei na cama confusa. Na mesa de cabeceira, o celular de Rafael não registrava nenhuma chamada, embora todos estivessem preocupados. Do meu lado, Rafael dormia, feito um anjo, mas não havia tempo para pena.

_Rafael, acorda, você sumiu!

 Depois ele acordou e ninguém havia se preocupado. Fofoca espalhada, o recado estava dado. Quem diz que mobilização em rede social surgiu com internet não tem avó.